• Professor Doutor Marcelo Rebelo de Sousa<br>Presidente da República, Associado de Honra da EPIS

    O nosso país não pode ter hesitações sobre o caminho a seguir. Só com uma decidida aposta na educação, elevando fortemente os níveis de escolarização e as competências da população portuguesa jovem e adulta, podemos enfrentar com otimismo um mundo cada vez mais globalizado e competitivo.

    Professor Doutor Marcelo Rebelo de Sousa
    Presidente da República, Associado de Honra da EPIS
  • Professor Doutor Aníbal Cavaco Silva<br>Presidente da República 2006-2016, Associado de Honra da EPIS

    Quero propor um compromisso cívico, um compromisso para a inclusão social, que envolva as forças políticas e congregue as instituições, as autarquias e as organizações da sociedade civil.
    Temos de romper com o conformismo e o comodismo de relegar para o Estado a única solução do problema.

    Discurso na Assembleia da República, a 25 de abril de 2006

    Professor Doutor Aníbal Cavaco Silva
    Presidente da República 2006-2016, Associado de Honra da EPIS
  • António Vitorino<br>Presidente da Direção da EPIS

    … parece-me fundamental consolidar e reforçar o trabalho iniciado, com foco particular na área da Educação. A motivação, mobilização e empenho dos empresários e das empresas neste objetivo coletivo constitui um contributo fundamental para a construção de um futuro mais solidário e mais competitivo.

    António Vitorino
    Presidente da Direção da EPIS
  • Luís Palha<br>Presidente da Direção da EPIS 2013-2015

    Quando, há sete anos, um conjunto de empresas e empresários se uniu para dar um contributo no combate ao insucesso escolar, todos estavam longe de adivinhar que este desafio se iria tornar tão mais importante na sociedade portuguesa. Consciente de que o número de jovens a merecer atenção tem vindo a aumentar, a EPIS e os seus Associados mantêm-se na primeira linha dos que lutam pela inclusão social dos mais desprotegidos.

    Luís Palha
    Presidente da Direção da EPIS 2013-2015
  • Horácio Roque<br>Presidente da Assembleia Geral da EPIS 2007-2010

    In Memoriam

    Horácio Roque
    Presidente da Assembleia Geral da EPIS 2007-2010
  • António Pires de Lima<br>Presidente da Direção da EPIS (2010 a 24 Julho de 2013)

    O projeto da EPIS faz todo o sentido. Nunca vivemos tempos de tensão social como hoje, com um nível de desemprego recorde. Mais do que nunca, estamos preocupados com o desequilíbrio social.

    António Pires de Lima
    Presidente da Direção da EPIS (2010 a 24 Julho de 2013)

António Vitorino, Presidente da Direção da EPIS

Quem somos

Mensagem do Presidente da Direção

A Associação EPIS - Empresários Pela Inclusão Social foi criada, em 2006, por um grupo de mais de 100 empresários e gestores de Portugal, em resposta à convocatória que Sua Excelência o Presidente da República Professor Aníbal Cavaco Silva colocou à sociedade civil em 25 de Abril desse ano, tendo em vista um maior apoio do Estado nos desafios da inclusão social em Portugal.

A EPIS tem por missão a promoção da inclusão social em Portugal. Desde 2006, tem vindo a focar-se na capacitação de jovens necessitados para a realização do seu potencial ao longo da vida, através da Educação, da Formação e da Inserção Profissional.

A EPIS procura ter impacte relevante no terreno em todo o país e em grande escala, (1) apontando caminhos inovadores e testando boas práticas através de projetos-piloto realizados em parceria com entidades nacionais e locais, públicos e privados e (2) disseminando as metodologias testadas e com resultados quantitativos demonstrados, de modo a promover a sua disseminação e internalização nas comunidades de forma sustentável social e economicamente.

No momento que o nosso País vive presentemente, onde avulta a relevância das questões sociais e acima de tudo em que importa centrarmo-nos nas ações concretas que podem representar uma mais-valia para o nosso futuro coletivo, parece-me fundamental consolidar e reforçar o trabalho iniciado em 2006, com foco particular na área da Educação. A motivação, mobilização e empenho dos empresários e das empresas neste objetivo coletivo constitui um contributo fundamental para a construção de um futuro mais solidário e mais competitivo.

Este é um desafio da maior importância para Portugal, exigindo um alargado compromisso a todos os níveis. Neste quadro, o apoio à causa da EPIS já manifestado publicamente pelo Presidente da República, Professor Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, é uma das chaves para a prossecução com sucesso da missão de promoção da inclusão social da nossa Associação.

No dia-a-dia, a EPIS é gerida por uma pequena equipa profissional, cuja orientação estratégica é assegurada pela Direção, constituída por empresas Associadas da EPIS, por um Conselho Científico, constituído por reputados especialistas e investigadores, e por um Conselho Consultivo, constituído por dirigentes de empresas Associadas e outros parceiros com experiência relevante para a prossecução da sua missão.